• 11-97044-9914
  • contato@gruporendecao.com.br

Tratamento para Dependentes de Cocaína

Tratamento para Dependentes de Cocaína

Os dependentes de cocaína são, em muitos casos, um verdadeiro risco para suas famílias e amigos. Os efeitos no organismo são severos, acelerando o ritmo cardíaco, aumentando os níveis de stress e ansiedade. Essa combinação de fatores culmina na agressividade, em geral, direcionadas à seu próprio círculo social.

A necessidade do dependente de cocaína surge quando a ingestão da substância foge do controle. Nas primeiras décadas do século XX, o homem vivia sua juventude em meio a passeios românticos, encontros em boates, confraternizações comemorativas em lugares cheios de requinte e sofisticação. Com o passar dos anos, muitas características foram mudando, desde a estrutura dos recintos até o acréscimo de frequentadores, passando pela mudança ideológica na concepção de um lugar descontraído, como um barzinho ou balada.

A diversão se tornou mais permissiva e abrangente, unindo nos mesmo ambientes pessoas de diferentes classes sociais, mas que também agregou um lado ruim, democratizando o uso de drogas, gerando dependentes de cocaína nas diversas esferas sociais.

Alguns dependentes de cocaína migraram para dentro de recintos permissivos, onde algumas ações ilegais correm livre, leve e solto. Nos bares, boates e baladas é possível sentir cheiro de maconha e observar várias pessoas cheirando fileiras de cocaína. Uma das razões (se realmente existe uma) colocadas por alguns usuários e a famosa “vibe” que tais entorpecentes causam, fazendo com que a pessoa viaje para outros mundos.

Com o receio de que seus parentes se tornem dependentes de cocaína, muitos familiares chegam à proibi-los de frequentar estes ambientes. Mas, quando o vício esta instaurado no organismo, o usuário não tem mais controle sobre suas ações e se não puder usar a cocaína nas baladas, encontrará outros lugarem para isso. O dependente de cocaína irá explorar todos os ambientes propícios para a aquisição e consumo da droga.

O convívio com os dependentes em cocaína se torna arriscado, devido a instabilidade gerada por esses indivíduos, que assumem um postura agressiva nos momentos de abstinência e até sobre os efeitos da substância.

 

É possível ajudar dependentes de cocaína a vencerem o vício

Durante muitos anos, o consumo de cocaína no Brasil crescia em números vertiginosos. Dados colocavam essa droga como a segunda mais usada, perdendo somente para a maconha. O seu vício se transformou numa epidemia, transformando famílias e bairros, como a Luz, em São Paulo, que é conhecida, atualmente como “Cracolândia”.

Atualmente, esse número estagnou. Porém, continua altíssimo, causando inúmeras buscas de clinicas que façam um tratamento seguro e zeloso com o dependente. Várias famílias conseguem achar algumas entidades, mas se enfurecem com os resultados que boa parte implica, as vezes, sendo até nulo.

A sensação de empoderamento e agitação resultante do consumo, torna os dependentes de cocaína ainda mais propensos ao seu consumo, o que dificulta a percepção da necessidade de ajuda. O efeito, quando termina, em geral deixa uma sensação de fraqueza, causando a famosa “bad trip”, estimulando a busca, cada vez maior e mais intensa, das sensações.

Mesmo contendo essas dificuldades, o tratamento para dependentes de cocaína tem tudo para ser bem sucedido, a ajuda profissional qualificada, apoio de parentes e amigos são fundamentais para que o paciente possa conquistar mais força de vontade para lutar contra o consumo de drogas.

Na Clínica Liberdade os dependentes de cocaína tem a chance de recomeçar

Durante anos, a nossa empresa vem conquistando sorrisos, alegrias e agradecimentos de várias famílias que colocaram seus entes sobre nossos cuidados. E até os próprios pacientes tratam a gente como verdadeiros irmãos. E qual é a chave de tudo isso? Nossa preocupação com o paciente.

Toda infraestrutura e ideologia da Clínica Liberdade se volta ao comprometimento da mudança psíquica do paciente. Não adianta fazer ele trabalhar, ou desempenhar qualquer atividade, se o primordial não for combatido, que é o sentimento. Nós cuidamos da pessoa e a transformamos num ser feliz e rejuvenescido para a vida eterna.

pietrofrancisco

Deixe a sua mensagem

×
Alguma Dúvida ? Fale com Pietro